Você quer trabalhar no BB?

Como Fica o Concurso do BB Quando a Greve Acabar?

Marco Aurélio Gomes      terça-feira, 27 de setembro de 2016

Compartilhe esta página com seus amigos
Como Fica o Concurso do BB Quando a Greve Acabar?

 

Será que vai sair o edital depois da greve?

Você acha que esta greve pode trazer novidade para os concurseiros?

Você sabe dizer se somente esta greve impede a abertura de um novo edital?

Estas são algumas perguntas que tenho recebido pelos canais do passenobb.

E a minha resposta para todas elas é mais ou menos a mesma:

"A greve não tem nada a ver com o concurso, por mais que os cursinhos insistam em afirmar isto prá vender cursos... o banco nunca irá acatar este tipo de negociação com os sindicatos... a contratação é uma prerrogativa exclusiva do BB"... e é...

Eu não lembro de ter visto, nas inúmeras greves que vivi dentro do banco, a negociação trazer alguma decisão que interferisse no processo de convocação ou divulgação de edital.

Estas questões não entram na discussão/negociação do dissídio.

Bom, dito isto, quero relembrar dois artigos publicados aqui no blog, que vão ajudar a entender o motivo deste artigo:

1. Bancário: ser ou não ser?

Neste artigo eu falo da concentração bancária, de tecnologia, de como é possível prever como ficará a profissão de bancário nos próximos anos... e o cenário não é animador prá quem quer trabalhar em banco.

2. BB sinaliza possibilidade de novo concurso

Neste artigo eu conto que o banco vinha dando sinais semelhantes aos que dava quando estava prestes a lançar um novo concurso... redução de interstício para remoção e também alguns contatos de colegas que indicavam a possibilidade de um novo concurso para breve.

Antes que alguém venha perguntar qual é a minha fonte para construção desses cenários, vou já adiantar que trabalhei no BB por 35 anos e ainda conheço muita gente lá de dentro... muitos escriturários, caixas, gerentes, gerentes de divisão, gerentes executivos e até superintendentes. E tenho esposa e 2 filhos que trabalham lá.

Então, volta e meia chegam novidades.

Claro que isto não quer dizer que sei de tudo que acontece por lá, ou tenho informações privilegiadas... mas de vez em quando surgem fofocas e boatos... e, de vez em quando, eu decido colocar estas informações prá quem acompanha o passenobb.

Foi o que aconteceu nesses últimos dias.

Com o endurecimento da greve, e a completa falta de negociação, parece que o dissídio se encaminha para uma decisão de um terceiro do processo (já que os 2 protagonistas não resolvem): a Justiça.

Hoje ainda li em algum lugar que teria sido marcada uma nova rodada de negociação, mas na verdade o que está acontecendo neste exato momento, é uma reunião para decidir se e quando acontecerá uma nova rodada.

Digamos que a situação econômica e política do país não está animando os bancos a negociar nada mais do que já ofereceram.

Só prá esclarecer, os bancários pedem reposição da inflação desde o ultimo reajuste (9,31%), mais 5% de produtividade e os bancos ofereceram 7% de reajuste mais R$ 3.300 de bônus (esta proposta foi feita dia 9 de setembro... de lá prá cá, nenhum avanço), lembrando que o bônus não se incorpora aos salários.

Com este impasse, milhares de agências fechadas, milhares de bancários em greve, milhares de bancários trabalhando, milhares de pessoas prejudicadas e milhões que não são afetados em nada pela greve... pode ser que muitas pessoas nem saibam que está tendo esta greve, depois de mais de 20 dias do início da greve.

Não sei você, mas minha vida não teve nenhuma alteração por conta da greve... continuo vivendo do mesmo jeito que vivia antes. Eu e muita gente!

E isto é um mal sinal... sabe daquela historinha que ensina: não falte ao trabalho, porque pode ser que seu chefe não note a sua ausência?

É mais ou menos a mesma coisa.

Por mais que a mídia insista em mostrar apenas as pessoas que estão sendo prejudicadas pela greve (e existem sim pessoas que estão sendo prejudicadas), eles não mostram quantas pessoas não está nem aí pro movimento, eu aposto que tem muito menos pessoas sendo prejudicadas do que aquelas que não estão nem aí (incluindo-se aí os próprios bancos, que não estão nem aí).

 

Você quer receber atualizações do PassenoBB em primeira mão?

 

Resumindo, isto quer dizer que os bancários (ou os bancos) não estão fazendo falta...

Não fazem falta porque a grande maioria da população tem outros canais para resolverem seus problemas com os bancos, e também porque tem muito bancário lá dentro das agências, atendendo seus clientes e fazendo negócios.

É mais ou menos isto que eu falo no primeiro artigo que citei lá no começo deste post. Eu só não previa que isto aconteceria tão cedo.

Não se iluda... os bancos vem se preparando para isto já há alguns anos. E a tendência é que isto se torne cada vez mais presente, com o avanço tecnológico, a entrada de novos concorrentes, e com as reestruturações internas que estão acontecendo.

O Bradesco assume de vez o HSBC no próximo mês. Vão trocar as bandeiras de mais de 800 pontos de atendimento do HSBC para a do Bradesco... quantos bancários vão ficar pendurado no pincel, depois de tirarem a escada?

Agora voltando ao que interessa: e o edital?

Pois é... e o edital, e o concurso?

Da mesma forma que recebi de outros colegas informações que me fizeram escrever o segundo artigo citado lá em cima, também recebi outros boatos nos últimos dias.

E relutei muito em trazer estas fofocas prá cá.

É tudo fofoca, boato... mas quase sempre onde tem fumaça, é por que tem pelo menos uma brasinha viva.

O que se fala na central de boatos é sobre as medidas do BB no pós greve?

O que se fala é que estas medidas já estavam em andamento desde o início do ano, e que o banco estava aguardando a votação do impeachment e a confirmação do Temer e da equipe econômica, e que agora, ao final da greve será divulgado.

As medidas são estas:

  • Vai sair um novo PDV (Plano de Demissão Voluntária) e um novo PAI (plano de Aposentadoria Incentivada).
  • O PDV mais ou menos nos mesmos moldes do da Petrobras, e o público alvo são os empregados dos bancos incorporados pelo BB.
  • O PAI, lançado nos mesmos moldes dos anos anteriores, mas com a expectativa de que a adesão seja maior, em razão das novas regras e do aumento do tempo de contribuição para aposentadoria.
  • O limite para saída nos dois Planos (e a expectativa do banco), é de 18 mil empregados.

Ainda tem mais...

  • Jornada única de 6 horas, com a extinção da jornada de 8 horas (resta saber como ficam os salários de quem trabalha 8 horas).
  • Fusão e eliminação de diversas Diretorias e Unidades
  • Fechamento de agências deficitárias.
  • Redução drástica de gerentes.
  • Corte das vagas dos que sairem (não reposição), já que o BB precisa enxugar sua folha de pagamento, para manter a competitividade com os demais bancos.
  • Realocação dos empregados de unidades extintas ou fechadas para a rede de agências, mesmo sem cargo.
  • Os aprovados nos concursos que ainda estão em vigor não serão necessariamente chamados e, se forem, só serão convocados para aquelas praças de difícil provimento, ou seja, aquelas que ninguém quer tomar posse, por ser longe, por ficar em cidades do interior ou distante de grandes centros.
  • O banco trabalha com a expectativa de reduzir o número de empregados dos atuais 110 mil para pouco mais de 90 mil.

Depois de ter recebido estas informações, fiquei com muita dúvida se deveria divulgá-las. Eu também tenho um curso preparatório à venda, e este tipo de notícia, convenhamos, não ajuda a vender curso (os outros vendedores de curso vão querer me matar), mas ainda assim, achei que não podia deixar de trazer aqui para o blog... afinal, é uma questão de posicionamento.

Eu realmente não sei se tudo isto não passa de boato... estou vendendo como comprei... mas não há como negar que as medidas são muito coerentes com a realidade atual.

Só nos resta esperar prá ver o que (e se) acontece.

Sei que muitos vão se desanimar... outros vão se desanimar de vez e muitos outros vão manter o seu foco e ânimo para continuar na sua batalha diária.

Quem sabe?

Pode ser que as nuvens não sejam de tempestade... e, de repente, tudo não passa de boato!

Abraço!


Você também pode se interessar por:

O Blog PassenoBB está de mudança!

A partir de hoje, 25 de agosto, o blog Passenobb está se mudando para uma nova plataforma e hospedagem.

Marco Aurélio Gomes sexta-feira, 25 de agosto de 2017

    continuar lendo...

Como Fica o Concurso do BB Quando a Greve Acabar?

Será que vai sair o edital depois da greve? Você acha que esta greve pode trazer novidade para os concurseiros? Você sabe dizer se somente esta greve impede a abertura de um novo edital?

Marco Aurélio Gomes terça-feira, 27 de setembro de 2016

    continuar lendo...

Curso PassenoBB Migra Para a Udemy

Acabei de migrar o conteúdo do curso para a Udemy, uma das maiores plataformas de ensino do mundo. E para comemorar a mudança, a Udemy está oferecendo o curso com 66% de desconto: de 140 por 48 reais.

Marco Aurélio Gomes sexta-feira, 19 de agosto de 2016

    continuar lendo...

Comentários Anteriores


Mi

19/10/2016

Boa tarde,
Uma curiosidade que tenho em relação a greve, nos bancos privados os funcionários continuam trabalhando normalmente independente da agência estar fechada pelo sindicato, os funcionários chegam mais cedo, saiem mais tarde, se escondem em alguma sala mas continuam a trabalhar, ou seja greve para os bancos privados não existe, e a minha curiosidade é e no banco do Brasil como é a dinamica, os funcionários realmente fazem greve?

A de mais quando teremos novidades no blog?

Grande abraço.

Marco Gomes

19/10/2016

Oi Mi,
Valeu a visita e o comentário.
Na verdade tudo é um jogo de cena… tanto nos bancos particulares quanto nos públicos, tem gente em greve (normalmente em mini férias) e tem gente trabalhando.
Agora 2 parênteses prá não ofender ninguém: claro que não é todo mundo que aproveita a greve para sair de férias, e claro que nos bancos privados a adesão é menor, principalmente pela “estabilidade” relativa que os funcionários dos bancos “públicos” tem.
Tinha muita gente trabalhando… nos bancos privados e também nos bancos oficiais.
A greve é um direito de todo trabalhador, e os bancários fazem bom uso do instrumento para tentar conquistar mais benefícios, além, é claro, da recomposição do seu poder aquisitivo.
Só que atualmente (e pro futuro) a greve é um instrumento que não atende as partes (bancários e banqueiros)… vamos ver como as coisas ficam daqui prá frente.
Os únicos que sofrem com a greve dos bancários (agências fechadas com funcionários trabalhando lá dentro, em todos os bancos) é a população não bancarizada.
Eu estou dando um tempo no projeto passenobb e me dedicando com mais ênfase a outros projetos… mas continuo ligado… na medida que surgirem pautas interessantes volto aqui.
abraço

Lucas Muniz de Almeida

17/10/2016

Bom dia!
Há boatos de que o Banco do Brasil será privatizado por ordem de Temer. Isso procede? Não creio muito nesse acontecimento. Qual a sua opinião? Esse governo quer acabar com a gente, só pode. Abraço!

Marco Gomes

17/10/2016

Oi Lucas,
Valeu a visita e o comentário.
Boatos de privatização do BB existem há pelo menos uns 30 anos…
O que não pode é sair espalhando isto como certeza.
Claro que com um governo (neo)liberal sempre a ameaça é maior.
Mas não se vende uma empresa do tamanho do banco da noite pro dia… vamos continuar atentos aos próximos movimentos (capítulos), prá ver se eles emitem algum sinal neste sentido.
Eu acredito que daqui a algum tempo não vai mais existir espaço prá ter vários bancos oficiais (BB, Caixa, BNDES, etc)… vai chegar um dia que vão ter que repensar isto.
E aí depende da linha ideológica do governo de plantão… pode ser que sim, e pode ser que não.
O BB sempre esteve na corda bamba entre o público e o privado, e outros bancos (privados) sempre estiveram de olho nele.
Por enquanto nada deve acontecer.
Mas não prá deixar este assunto esquecido.
abraço

Henrique

13/10/2016

Olá, primeiramente, parabéns pelos posts! entrei como escriturário há 1 mês, e estou com algumas dúvidas. Com essa reestruturação, vai acabar ficando mais difícil a ascensão na carreira, já que vai diminuir bastante o número de gerentes médios?? Acredito que, como vão chamar bem menos escriturários, vai dar uma engessada nas progressões, já que alguém tem que ser escriturário! o que acha??? Vc acha que os funcionários vão ficar um tanto sobrecarregados, já que além de enxugar o quadro de pessoal, pelo visto não vai haver mais os serviços com o correio?? para finalizar, tem algum material ou apostila para facilitar o uso do sisbb??? obrigado!!!

Marco Gomes

13/10/2016

Oi Henrique,
Valeu a visita e o comentário.
Parabéns!!!
Você pode dizer aqui onde é que tomou posse? É mais para dar um sopro de ânimo a outros aprovados que estão aguardando prá ser chamado… faz tempo que não temos notícias boas prá divulgar.
Pode ser que sim… pode ser que não. Depende muito de como as coisas vão caminhar.
E se de repente sair uma porção de gerentes no PAI/PDV? Vai acabar abrindo vagas… e, se você ainda não percebeu, as vagas tem efeito cascata… sai um gerente geral, é nomeado pro seu lugar um gerente de relacionamento, depois um assistente pro lugar dele, e assim por diante… então não dá prá dizer ainda que vai piorar, tem que aguardar prá ver.
Com relação à nomeação de escriturário, você vai perceber com o tempo, que é mais comum agências com a dotação incompleta de escriturário do que de comissionados. Normalmente o quadro de comissionados é mais estável que o de escriturário. O gerente não vai abrir mão de um comissionado em troca de um escriturário… esta sua preocupação não procede, ok.
Mais sobrecarregados é bem provável… mas sempre foi assim. E é melhor que seja… enquanto tiver serviço, tem emprego, e nunca houve nem haverá uma situação confortável de carga de trabalho no BB.
Por fim o sisbb… ainda existe isto? Brincadeirinha!
Não se incomode com o sisbb… você vai aprender… faça uma “burrinha”… pegue uma agenda telefônica pequena (isto, aquele caderninho de papel… coisa antiga), ou use o diário de bordo, e vá anotando (utilize o índice alfabético) os comandos que você vai aprendendo. Você vai ver que com o passar dos dias os comandos corriqueiros, você já vai fazer sem ter que pensar (01.39), e para os que são mais raros, você recorre à burrinha… e não deixe de perguntar aos outros funcionários. Pode parecer que fica chato, mas não fica, eles estão ali prá te ensinar, faz parte do trabalho deles, assim como vai fazer parte do teu daqui a algum tempo.
Não esqueça que você está em período de experiência, então é melhor perguntar como faz, do que sair fazendo e fazendo caca.
Beleza?
De novo parabéns, seja feliz dentro do banco e boa sorte.
Qualquer coisa pode voltar aqui quando quiser.
abraço

Mateus

13/10/2016

Olá Marco,

Gostaria de saber sua opinião sobre o próximo concurso, com as noticias que você tinha publicado sendo confirmadas, será que vai ter concurso? E se tiver, é possível que tenha um numero super reduzido de vagas?

Parabéns pelo blog !

Marco Gomes

13/10/2016

Oi Mateus,
Olha, agora ficou difícil fazer qualquer tipo de previsão.
Oficialmente não aconteceu nada ainda, só a nomeação dos novos diretores (isto hoje, 13/10).
Fora isto, o resto continua sendo fofoca, embora eu acredite que as coisas vão desenrolar nos próximos dias.
Diante desta expectativa, é de se imaginar que no curto e médio prazo não haverá novo concurso.
Se os boatos se confirmarem, este processo de reestruturação vai durar alguns meses, e não acredito que o banco vai querer colocar funcionário novo no meio desta confusão.
Então até que as coisas se acomodem, podemos jogar tudo pro ano que vem, com otimismo lá pelo 2o semestre… mas, quem sabe?
Tudo que se fala sobre novo edital é especulação, ninguém sabe de nada disso, fora de um pequeno grupo dentro do banco.
Há uns 2 meses atrás recebi a informação de dentro do banco que tudo indicava a divulgação do edital agora para outubro/novembro. Daí veio a greve, ela ficou forte e o banco resolveu desencadear esta reestruturação que já vinha sendo estudada, mas não era prá já, nem tão rápida e profunda.
De qualquer forma, vamos aguardar… por enquanto continua tudo sendo especulação.
Beleza?
abraço

João Pedro Lima Machado Santos

13/10/2016

Olá, Marco.

Primeiramente, gostaria de te parabenizar pelo seu curso, estou gostando bastante.

Eu gostaria de saber se você acha que essa PEC 241 pode influenciar, de alguma maneira, no concurso do BB.

Marco Gomes

13/10/2016

Oi João Pedro,
Valeu a visita aqui no blog e muito obrigado pelo comentário e por confiar no curso passenobb!
A PEC tem pouco a ver com o BB, já que o banco não depende do orçamento do governo.
Agora, tem outras coisas que estão influenciando a divulgação de um novo concurso, dentre elas a reestruturação que deve ser anunciada aos funcionários hoje…
Vamos aguardar o desenrolar da história.
abraço e boa sorte!

Carla

12/10/2016

Boa tarde!

Gostaria de saber se um funcionário concursado do banco pode ser demitido, e em que situações?
gostaria de saber também se um escriturário só pode ser transferido após 2 anos de agência.

Att,

Marco Gomes

12/10/2016

Oi Carla,
Valeu a visita e o comentário.
Pode sim ser demitido Carla… apenas o fato de ser concursado não garante estabilidade permanente e infinita. Claro que o funcionário não é posto prá fora imotivadamente, existem situações específicas e normalmente apuradas por inquérito administrativo. Existem muitos fatores que podem levar à demissão, dentre eles indisciplina, má conduta, fraude, dolo ou má fé, furto e mais alguns comportamentos inadequados ao desempenho do cargo ou função.
As normas internas atuais colocam como interstício mínimo para transferência 18 meses, mas este prazo eventualmente é flexibilizado, como deve acontecer agora na reestruturação… deve cair para 12 meses, de forma a facilitar a movimentação de escriturários.
abraço

Carla

13/10/2016

Obrigada pela resposta.

Quero fazer o próximo concurso BB, sou formada em administração de empresas e tecnologia em gestão financeira, isso pode me ajudar em termos de aumento de salário?

Att,

Marco Gomes

13/10/2016

Oi Carla,
A sua formação acadêmica não define o seu salário.
O banco tem um plano de cargos e salários isonômico, que independe de requisitos ou capacitação.
O que define aumento salarial, além do dissídio, é a mudança de cargo e, aí sim, sua formação pode ajudar, contribuindo para aumentar sua pontuação no sistema que ranqueia os concorrentes a cargos comissionados.
Mas pode ter certeza que vai te ajudar no dia-a-dia.
abraço

Carla

14/10/2016

Obrigada,
Abraço.

Marco Gomes

14/10/2016

Valeu!

Marco Gomes

11/10/2016

Segundo as últimas notícias, ontem o Banco comunicou aos Superintendentes a nova estrutura do BB. Na quinta-feira, 13/10, as medidas serão anunciadas aos funcionários.
Parece que tem mais coisa do que eu havia publicado no artigo… mas isto é assunto para um novo post.
abraço

Ramon Marques

11/10/2016

Marco você poderia nos adiantar sobre do que se trata esse “algo mais” que não foi dito no ultimo post e se há algum site para podermos acompanharmos essas novidades?

Marco Gomes

12/10/2016

Oi Ramon,
Agora temos que aguardar…
A boataria já foi dita no post, agora vamos ver o que acontece oficialmente.
Parece que a reestruturação é bem profunda, mas é prematuro qualquer especulação… a única coisa certa é que as medidas não serão adotadas todas de uma só vez, então é de se supor que teremos alguns meses sem novidades sobre a divulgação de novo edital.
Tem que aguardar os reflexos internos e externos das medidas, para se ter uma noção mais clara do que virá pela frente.
Não há nenhum canal oficial para acompanhar a reestruturação externamente… só pelas notícias da imprensa e canais informais, como este aqui, dentre outros.
abraço

Rayman

02/10/2016

Uns 3 meses atrás o banco extinguiu varios cargos de escriturario (P.E = Posto Efetivo). Não é só no RN que tem excesso de vagas, mas no Brasil inteiro. Varias agências estão em excesso. Creio, que agora no segundo semestre, após o PAI – deverá sair a pauta depois da greve -, regularize alguma coisa.

E uma dica: Se quiser entrar/continuar no banco precisa ser vendedor. O banco vai eliminar uma boa quantidade de sangue-sugas rsrsrs.

Marco Gomes

03/10/2016

Valeu Rayman,
Obrigado por passar por aqui e pela contribuição.
É bem por aí mesmo.
Só para esclarecer os leitores, o banco (quando quer ou precisa), corta a dotação, seja de escriturário ou de outro cargo qualquer.
Dotação é quanto (máximo ou ideal) cada dependência pode ter de determinado cargo ou função. E lotação é quantos funcionários a dependência tem na realidade.
Quando ele corta a dotação e a lotação fica maior que a dotação, aí a dependência fica com excesso de funcionários naquele cargo ou função… ou seja, tem funcionário sobrando naquela dependência.
Quanto ao bancário ser vendedor, acho que isto já está claro na cabeça de quem auer trabalhar lá… ou deveria estar.
abraço

Andrea

29/09/2016

Pasma, mais a realidade anda sendo essa mesmo, não quero desanimar , vou acr e manter foco e ritmo, e aguardar ou quem sabe arriscar novos certames

Marco Gomes

29/09/2016

Oi Andrea,
É isto mesmo, tem que continuar focando no que você quer… e refletir sobre os caminhos a seguir.
Valeu a visita e o comentário.
abraço

nelson ribeiro silva filho

29/09/2016

Olá Marcos, e obrigado pelas informações postadas. Caso seja realmente o que você escreveu, eu continuo acreditando no estudo contínuo e absoluto, mesmo com essa restruturação, entendo que com mais um ano, ou sendo pessimista de verdade, dois anos, saiu outro concurso. Quem tem foco continua e muda o seu paradigma até para outros certames. Obrigado pela honestidade nas informações e abs.

Marco Gomes

29/09/2016

Oi Nelson,
Obrigado pela visita e pelo comentário.
E obrigado também por entender o objetivo do artigo, você pode estar ajudando outras pessoas com seu comentário também.
Você tem razão. Mais dia menos dia o edital sai e aí, claro, quem estiver com mais munição deve se sair melhor.
Boa sorte!
abraço

Fábio

29/09/2016

Poxa Marco!

Essas informações são um baita banho de água fria, ainda mais pra pessoas, assim como eu, já aguardavam esse concurso a um bom tempo.
Infelizmente tudo que você falou é uma realidade e com esse corte de custos, tudo se encaminha para editais cada vez mais raros para os bancos públicos.

Estou inserido no grupo que desanimou de vez, só vou voltar a estudar quando/se sair o edital.
Só achei meio drástica essa redução de 110 mil para 90 mil, mas ainda tenho esperanças que algumas informações/boatos não se concretizem.

De qualquer forma, obrigado pela publicação.

Marco Gomes

29/09/2016

Oi Fábio,
Eu sei…
Foi por isto que relutei tanto em publicar… sabia que seriam informações que poderiam desanimar muita gente.
Mas, como disse no artigo, é uma questão de posicionamento… eu não poderia sonegar esses boatos e transformar o blog apenas num vendedor de cursos.
Até por respeito àqueles que seguem o blog.
A informação é fundamental para a tomada de decisão e escolha de caminhos… tenho certeza que muita gente que quer trabalhar no banco vai continuar se preparando, e muita gente que quer fazer o concurso vai repensar.
No final das contas é capaz de já ser um primeiro filtro entre os que querem fazer o concurso e aqueles que querem trabalhar lá.
Eu sinto por desanimar você e, provavelmente outros, mas se não fosse eu, seria um outro, ou mesmo as notícias viriam ao ar mais cedo ou mais tarde.
De qualquer forma, vamos aguardar… ou a confirmação dos boatos ou os reflexos das medidas… pode ser que não seja tão ruim assim.
Valeu a visita e o comentário.
abraço

Matheus

27/09/2016

Muito bom, Marco!

Há considerável possibilidade, eu acho, de o BB não repor grande parte das vagas que ficarão em aberto após PAI, tal qual aconteceu com o último PAI. Primeiro porque, como você disse, haverá redução do quantitativo de empregados. Ademais, você citou a realocação de funcionários – desde o ano passado, me parece, ouço falar de excedente aqui no RN. Imagine com essa realocação agora!

Resta torcer para que todas essas mudanças propiciem a convocação dos aprovados e a abertura de novos editais!

Marco Gomes

27/09/2016

Oi Matheus,
É isto…
Acho que quanto mais informação, mais fácil escolher o caminho a seguir.
Vamos aguardar… pode ser que seja tudo balela.
abraço

Comentários

sobre o autor

Olá, eu sou Marco Aurélio Gomes, Jornalista por formação, Bancário por opção e Educador por paixão... Neste espaço você pode esclarecer suas dúvidas e satisfazer sua curiosidade sobre como é trabalhar no Banco do Brasil.

Seja bem vindo!



Conheça o Curso PassenoBB... venha dar uma olhada nas aulas liberadas

Curso PassenoBB

A mais completa ferramenta de Marketing Digital do mundo... confira!

BuilderAll

Você conhece a Udemy? São milhares de cursos que podem ajudar a melhorar sua performance!

Udemy

Você já pensou em criar um curso online? Venha para o Criar Curso e veja como é simples e fácil!

Criar Curso

Meu mais recente curso, prá quem quer aprender a editar vídeos em um programa profissional e gratuito

Aprenda a editar vídeos com o DaVinci Resolve 14

 

© 2015 passenobb - todos os direitos reservados